Textura Prémio CA

Vencedores 2015

Em 2015 o Prémio Empreendedorismo e Inovação Crédito Agrícola distinguiu 8 projectos inovadores. Obrigado a todos os participantes pelo seu contributo nesta iniciativa.


Categoria

Produção e Transformação

Vencedor

Mirabilis

A Mirabilis surgiu para colmatar uma lacuna no sector da aquacultura, resultado da escassez de ‘stocks’ naturais e da inexistência de maternidades de ostra em Portugal, o que obriga os ostricultores a importar semente de uma espécie não endémica a maternidades no estrangeiro. A actividade principal centra-se na produção, em ambiente de maternidade, de juvenis com semente de ostra portuguesa, apostando na investigação e optimização das técnicas de produção, de modo a responder, através da marca portuguesa Angulata, às necessidades dos mercados nacional e internacional.

Menção Honrosa

Ingredient Odyssey

A proposta da Ingredient Odyssey, pioneira em Portugal, assenta num concentrado nutricional com alto teor proteico para a composição de rações para animais, produzido à base de insectos alimentados com resíduos agro-industriais. A empresa sediada em Almeirim tem já uma rede de parceiros e clientes. A investigação avança em colaboração com o INIAV (Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária) melhorarando a produção dos insectos.


Categoria

Comercialização

Vencedor

Atlantic Sun Farms

O Atlantic Sun Farms é um projecto de produção de batata-doce, inserido no Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina, que pretende manter e melhorar esta tradicional cultura da região, assegurando o seu fornecimento durante todo ano.
A cargo da empresa ASF, o projecto abarca 120 hectares e distingue-se pela produção de diferentes variedades de batata-doce com recurso a tecnologia avançada em maquinaria agrícola e de processamento e armazenamento do produto, contrariando o processo tradicional de cultivo apenas em pequenas áreas.

Menção Honrosa

Parda

A Parda é um laboratório de fabricação digital aplicado à arquitectura e mobiliário, que oferece um produto (as casas Pardas) e um serviço (a impressão 3D). Em causa estão soluções de construção pré-fabricada para fins agrícolas e recreacionais em contexto rural, um produto que se diferencia pelas tipologias que oferece (casas de apoio agrícola), pelo espírito ecológico (soluções energéticas alternativas e tratamento de resíduos como opção base), pela qualidade de materiais, atenção ao detalhe e rácio preço/qualidade.


Categoria

Inovação em Parceria

Vencedor

W|inove

O projecto W|inove, da responsabilidade de FARMA|inove e da Faculdade de Farmácia da Universidade do Porto, recorre à tecnologia Wine-on-Valve (WoV) para a análise multiparamétrica do vinho. A análise passa assim a ser feita através de um único equipamento, portátil, e de dimensões reduzidas, com metade de uma gota e a um ritmo de 20 amostras por hora. O sistema WoV – que envolve equipamento e ‘software’ parametrizado para as diferentes análises – surge de anos de desenvolvimento na área da automatização e miniaturização de métodos analíticos, e permite a automatização das metodologias de controlo de parâmetros do vinho, como título alcoométrico.

Menção Honrosa

Profit Apple

O Profit Apple é um projecto que envolve a produção e comercialização de ingredientes para tisanas, chás e rações animais, produzidos a partir dos sólidos das frutas remanescentes do processo produtivo de sumos e concentrados de fruta. A rentabilização destes excedentes passa pela secagem através secadores solares, diminuindo a necessidade de recursos energéticos fósseis. Os ingredientes à base de maçã, são o primeiro produto que a Profit Apple pretende comercializar, tendo já sido testado em chás/tisanas por dois potenciais clientes, que o avaliaram com nota positiva.


Categoria

Jovem Empresário Rural

Vencedor

Smartbee

O SmartBee é um projecto que visa implementar um conjunto de ferramentas de precisão para a apicultura. Os produtos Smart Bee foram desenvolvidos para dar extras de produtividade aos apicultores, que passam a poder consultar todos os dados das suas colmeias através de uma ferramenta ‘on-line’, que os apresenta em formato gráfico, com sistema de alertas e ferramentas de exportação de dados. A informação disponibilizada permite ao apicultor fazer aferições de forma a actuar em conformidade face a cada situação.
Os dispositivos SmartBee permitem observar o desenvolvimento da colónia, identificar os níveis de actividade, mudanças no enxame, condições atmosféricas, e quais as colmeias com mais desenvolvimento, apresentando também um sistema de detecção de roubo.


Categoria

Projectos de Elevado Potencial promovidos por Associados do Crédito Agrícola

Vencedor

Genosuber

O Projeto Genosuber é promovido por várias entidades: Grupo de Genómica Agronómica do CEBAL (Centro de Biotecnologia Agricola e Agro-Alimentar do Alentejo), BIOCANT, Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária (INIAV), Instituto de Tecnologia Química e Biológica (ITQB), Instituto de Biologia Experimental e Tecnológica (IBET) e Instituto Gulbenkian de Ciência (IGC). O projecto envolve a sequenciação total do genoma do sobreiro, um dos recursos florestais mais importantes de Portugal, com a cortiça a ocupar uma posição privilegiada na criação de valor na fileira florestal. A nível técnico, a metodologia usada no projecto Genosuber combina tecnologias de última geração com análise bioinformática. O foco de inovação recai ainda na rapidez com que novos estudos progredirão, permitindo a aplicação deste conhecimento à produção e transformação de cortiça.

Vídeos dos Projectos Finalistas

Apoio Institucional

Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Local

Organização

Inovisa

 

Crédito Agrícola